Projetos

Ter um espaço bonito e aconchegante é o sonho de qualquer um.

E apesar de dúvidas na hora de escolher que tipo de habitação, a certeza é de que este é um investimento importante, por isso, merece atenção e cuidado no planejamento e execução.

Dessa maneira, é fundamental conhecer as possibilidades e as tendências dos dias de hoje, e uma delas é construir em container.

Decidindo em construir em container, se atente às medidas e condições de acesso do seu terreno, pois é preciso ter certeza que ele comporta bem o container que você escolheu.

As medidas padrões são:

20 Pés Standard – 6,00m (C) x 2,44m (L) x 2,59 (A)
40 Pés Standard – 12,00m (C) x 2,44m (L) x 2,59 (A)

Veja 7 motivos pelos quais vale a pena optar por esse tipo de construção.

1. Custo mais baixo

Ao construir um imóvel, devemos incluir na composição de custos além do projeto, a compra de materiais, serviços, equipamentos, as perdas e o descarte de entulho.

Esses são apenas alguns dos itens que tornam o investimento oneroso. Tudo isso sem contar com a possibilidade de atrasos devidos a fatores climáticos, que podem aumentar drasticamente o custo com a mão de obra, já que por muitas vezes, da fase da terraplenagem até a cobertura, as chuvas podem atrapalhar o andamento dos serviços.

Dessa forma, você terá naturalmente, um acréscimo nos custos da mão de obra por horas improdutivas. De contra partida, construir em um container é uma escolha mais econômica.

Pode-se descrever algumas vantagens:

1- Na Fundação – O container precisa apenas de um radier simples ou 4 pilaretes;
2- Na estrutura – O container já é estruturado e com paredes e teto;
3- No Prazo – Por ser uma construção pré-fabricada onde são necessárias apenas adaptações e ajuste conforme o projeto, o tempo é reduzido, e não há interferências climáticas, pois 90% dos serviços são executados em áreas industriais cobertas;
4- No Descarte de entulho – Por ser uma construção “à seco”, as perdas de materiais são ínfimas, reduzindo o custo de retirada de entulhos;
5- Na Mão de Obra – Como o prazo é menor por conta de não termos serviços pesados de fundação, pilares, vigas, lajes, paredes e estrutura de cobertura, e de despesas com horas improdutivas por conta de chuvas, temos custos de mão de obra menor que as construções convencionais.

2. Durabilidade

O tempo médio de vida útil de um container marítimo gira em torno dos 100 anos. Considerando-se que seu uso para transporte de cargas se dá por apenas 10 anos, tem-se uma estrutura com versatilidade e tempo de aproveitamento que deve ser considerada.

Dessa forma, não é difícil perceber que a durabilidade dessa opção é uma vantagem a ser observada no momento de escolher morar em um container. Feito de aço, ele é resistente a ações climáticas e não se deteriora facilmente, mesmo quando exposto a condições adversas como chuva, calor e vento.

3. Conforto

Ambientes construídos através de containeres também são sinônimo de conforto. Ele possibilita a customização das estruturas, sendo possível a ampliação dos espaços com a união de vários contêineres.

Os contêineres podem ser acoplados de várias formas, de acordo com a criatividade do arquiteto e a proposta de uso do espaço (Residencial e/ou Comercial). Engana-se também quem pensa que a sensação térmica interna de um container consiste em uma desvantagem dessa opção como moradia.

É possível inserir neles materiais para promover o conforto térmico e acústico, como por exemplo: Lã Pet, Lã de Rocha, Lã de Vidro , Tinta Térmica, entre outros. Como revestimento interno temos diversas opções que vão deixar o ambiente confortável e bonito, tais como: Gesso Acartonado, revestido com pintura, cerâmica, texturas, papéis de parede, laminados de madeiras, vidro, etc.

No piso podemos instalar vários tipos de revestimentos: Porcelanato, Cerâmica, Piso Vinílico, Piso Laminado de Madeira, etc. Percebam que podemos deixar o ambiente interno do contêiner, com o aspecto de uma casa convencional.

4. Mobilidade

Uma das vantagens de morar em container está na mobilidade dessa estrutura. Sendo a estrutura única ou modular, podemos transferir a construção para outro local. Se a estrutura for de vários módulos teremos uma perda mínima de materiais. Se for apenas uma unidade, não existirá nenhum dano, apenas a adequação do novo local para receber a estrutura.

Esse processo é possível através do transporte do container até o destino com um caminhão “munck” e/ou guindaste e carreta. Dessa forma, ao entrar em contato com a empresa fornecedora da estrutura, o proprietário precisa apenas combinar o frete e o modo de entrega do container.

5. Flexibilidade e agilidade

Ao decidir pela construção convencional poderá haver atrasos na entrega da obra, principalmente por conta de chuvas, que impossibilitam os serviços externos, impactando diretamente no cumprimento do cronograma de execução do empreendimento. Não é o caso da construção em container.

O processo de construção, é executado em quase toda sua totalidade em área coberta, não existindo atraso na entrega do produto. Após a adequação do contêiner em área fabril, ele será transportado e instalado no local que deve ter infraestrutura de fundação (radier ou pilaretes), de rede de energia elétrica e de rede de água e esgoto, que devem ser providenciados pelo proprietário ou contratando a empresa fornecedora dos contêineres.

6. Sustentabilidade

As construções de containeres trazem benefícios para o meio ambiente, não só pelo reaproveitamento da estrutura de aço, mas também pela economia de recursos naturais que deixamos de extrair, tais como: água, areia, aço, cimento, tijolos, etc, que são comumente utilizados nas construções de alvenaria. Além disso, esses itens básicos das construções convencionais, são responsáveis por gerar grandes volumes de entulho, que por muitas vezes são descartados irregularmente na natureza, causando danos irreversíveis.

7- Legalização

Como em qualquer outro tipo de construção, para se morar em um container é preciso também que haja aprovação dos projetos arquitetônicos e hidro-sanitário por parte da prefeitura. Caso isso não seja feito, podem surgir multas ou embargos da obra.

Sendo assim, é preciso verificar os processos necessários para usar tal estrutura como fins residenciais ou comerciais, sendo necessário também o pagamento de tributos. Caso sua construção seja por um período determinado, as exigências
referentes a documentações são bem menores, haja vista que são consideradas como obras temporárias pela prefeitura.

Quer saber ainda mais informações sobre construir em container? Entre em contato com a gente ou confira alguns de nossos projetos!